Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliando limiares críticos em ecossistemas tropicais usando dados de conteúdo de água obtidos no campo e por sensoriamento remoto

Processo: 21/05592-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2022 - 31 de dezembro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Convênio/Acordo: Research Foundation - Flanders (FWO)
Pesquisador responsável:Rafael Silva Oliveira
Beneficiário:Rafael Silva Oliveira
Pesq. responsável no exterior: Ben Somers
Instituição no exterior: University of Leuven, Leuven (KU Leuven), Bélgica
Instituição Sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Marina Hirota Magalhães
Assunto(s):Cerrado  Secas  Monitoramento ambiental  Impactos ambientais  Limiares críticos  Mudança climática  Sensoriamento remoto  Avaliação de risco 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:cerrado | impacto ambiental e avaliação de risco | Limiares Críticos | resposta de ecossistemas à seca | Sensoriamento Remoto | monitoramento ambiental e sensoriamento remoto

Resumo

Diversos ecossistemas ao redor do mundo estão sujeitos à seca com certa frequência, e o estresse causado pela seca é uma das principais causas de deterioramento do funcionamento de ecossistemas, diminuições de produtividade, e perturbações no balanço de carbono. As mudanças climáticas globais podem agravar tais problemas relacionados ao estresse causado pela seca, já que secas mais frequentes e mais extremas devem ocorrer no futuro devido às mudanças climáticas. No entanto, pouco se sabe sobre muitos dos aspectos relacionados a resposta de plantas e ecossistemas à seca. Por exemplo, pouco se sabe sobre limiares críticos no conteúdo de água ao nível do ecossistema que podem levar à diminuição na produtividade da vegetação (e potencialmente, à mortalidade de plantas) e a um risco maior de incêndios. Portanto, pretendemos com esse projeto responder duas perguntas em especial: (1) Quais são os limiares críticos no conteúdo de água do sistema que levam à diminuição na produtividade da vegetação e/ou área foliar, e a um aumento no risco de incêndios? (2) Como fatores abióticos (e.g., solo) e bióticos (e.g., composição de espécies) influenciam esses limiares? Para responder às perguntas propostas, usaremos dados obtidos no campo em conjunto com dados de sensoriamento remoto (micro-ondas) e análises de séries temporais. Primeiramente, estimativas do conteúdo relativo de água obtidas por dados de sensoriamento remoto serão validadas. Em seguida, as estimativas serão usadas para avaliar os limiares críticos em diversos tipos de vegetação no Cerrado brasileiro. Por último, o papel de fatores bióticos e abióticos modelando os limiares previamente detectados será avaliado. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)