Busca avançada
Ano de início
Entree

Comparação entre instrumentação manual, mecanizada, mecanizada odontopediátrica e reciprocante na qualidade de preparo, tempo e segurança em molares decíduos prototipados

Resumo

A pulpectomia é um dos tratamentos endodônticos de escolha em odontopediatria visando manter o dente não vital até sua esfoliação fisiológica natural. Estudos visando a otimização e melhora dessa técnica através da utilização de instrumentos mecanizados, com redução do tempo clínico, evitando fadiga do operador e paciente, melhorando a qualidade do preparo do canal tem sido realizados. O objetivo do presente trabalho será avaliar ''in vitro'' o tempo, a quantidade dos desvios dos canais radiculares, quantidade de desgaste de resina e volume dos canais preparados com limas rotatórias, limas reciprocantes e limas manuais, em protótipos de polímero resinoso de molares decíduos. Serão utilizados dentes prototipados que serão escaneados em equipamento de MicroCT antes do preparo dos canais e divididos em 6 grupos conforme a instrumentação utilizada: (G1): limas K;(G2): limas Hedstroem odontopediátricas Angie; (G3): limas Easy Pro Design M; (G4): limas rotatórias Sequence Rotatory File; (G5): limas rotatórias odontopediátricas Sequence Baby File; (G6): limas reciprocantes Waveone Gold. Todos os grupos serão instrumentados em banho maria a 37p e receberão irrigação dos canais a cada troca de instrumento. Será realizado um novo escaneamento após instrumentação e as imagens serão alinhadas (pré e pós instrumentação). A quantidade de desvio dos canais, desgaste de resina e volume serão medidos. O tempo do preparo será cronometrado. Os dados obtidos serão submetidos a análise estatística, com nível de significância de 5%. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)