Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do manejo alimentar e do estímulo tátil no desempenho, bem-estar e comportamento de bezerros da raça Gir

Resumo

Este estudo objetiva avaliar diferentes manejos alimentares (manejo alimentar convencional e manejo alimentar suplementar ao convencional) e de bem-estar (manejo convencional e manejo com estímulo tátil) sobre o comportamento, desempenho, características de crescimento e bem-estar em bezerros Gir até os 90 dias de idade. Todos os animais são provenientes de FIV, pertencentes a Epamig, Uberaba/MG. Serão realizados quatro tratamentos e o delineamento experimental será em blocos casualizados, por ordem de parto da vaca mãe, peso de nascimento do bezerro e sexo do bezerro, em um arranjo fatorial 2 x 2. Serão testados dois manejos alimentares (convencional (MC) e otimizado (MO)) e dois manejos de bem-estar (com (BC) e sem estímulo tátil (BO)). O manejo alimentar convencional (MC) é o preconizado e utilizado nas propriedades que criam Gir (um teto/ordenha, em duas ordenhas, do nascimento até os 90 dias de idade) e o manejo otimizado (MO), que ofertará aos bezerros 4L adicionais de leite de até os 60 dias de vida e 2L de leite dos 61 até os 90 dias de vida, quando os bezerros serão desmamados, embora eles continuem frequentando a sala de ordenha até a secagem de suas mães. Os bezerros do tratamento bem-estar animal otimizado (BO) receberão o estímulo tátil (afago) do nascimento até os 60 dias de vida dos animais, durante o manejo de ordenha (manhã e tarde), de 30 segundos até um minuto. Já no manejo de bem-estar convencional (BC), os bezerros irão frequentar a sala de ordenha, mas sem receber o estímulo tátil. Serão mensurados, durante o período experimental, parâmetros de desempenho dos bezerros, comportamento, parâmetros sanguíneos (proteína total, ureia, lactato, b-hidroxibutirato, glicose, triglicérides, hemograma, cortisol e ocitocina); expressão gênica nos leucócitos (hormônios cortisol, ocitocina, serotonina e crescimento); parâmetros do líquido ruminal (ácidos graxos voláteis, nitrogênio amoniacal e pH), incidência de doenças nos bezerros. A análise econômica será realizada para cada tratamento experimental e avaliará o custo-benefício de sistemas alternativos de criação. Espera-se com este projeto avaliar as necessidades dos bezerros da raça Gir numa fase, em geral, negligenciada pelos produtores, mas não menos importante, uma vez que esta refletirá nas idades avançadas de seu desenvolvimento. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)