Busca avançada
Ano de início
Entree

Novo inoculante associando protistas ciliados e bactérias promotoras do crescimento vegetal em culturas de interesse econômico no Brasil

Resumo

A crescente preocupação com o meio ambiente tem estimulado as empresas de insumos agrícolas a desenvolverem produtos com base biológica, tanto para área de fitossanidade como para área de nutrição e fisiologia vegetal. Sendo estas últimas áreas otimizadas quando se potencializa os benefícios provenientes das relações interespecíficas dos organismos que habitam a rizosfera. A presente proposta busca avaliar a viabilidade técnico-científica do emprego de protistas ciliados e bactéria promotora de crescimento na rizosfera (PGPR), para estimular o crescimento vegetal. Em futuro próximo, objetiva-se comercializar um inóculo (novo produto) contendo o complexo predador-presa (protista ciliado/bactéria), que irá atuar no ambiente rizosférico das plantas comerciais (milho e soja), potencializando o elo microbiano. Para isso, na fase 1 do PIPE, o plano de pesquisa se baseia principalmente: (i) no estabelecimento e manutenção de cultivos, caracterização morfológica e molecular (18S-rDNA) de protistas ciliados previamente selecionados (Colpoda spp.); e (ii) avaliação do potencial agronômico das espécies de Colpoda em conjunto com a bactéria promotora de crescimento, Azospirillum brasiliense, em culturas de soja e milho. Os efeitos sinergéticos da interação entre as rizobactérias e os protistas ciliados promovem benefícios mútuos, principalmente para as plantas, que ampliam sua sobrevivência quanto ao aspecto nutricional. Os ciliados otimizam a mineralização de nutrientes no ambiente rizosférico por meio da atividade predatória, liberando 30 a 50% do nitrogênio imobilizado na biomassa microbiana e podem contribuir para a fertilização do solo agrícola ao transportar bactérias resistentes à digestão intracelular até às raízes das plantas. Além de garantir a sobrevivência e eficiência das PGPR no ambiente rizosférico. Assim sendo, espera-se que uma tecnologia deste impacto venha aumentar de 5 a 10% a produtividade de grãos em ambiente-solo colapsado, em decorrência da quebra de produtividade (yield gap) por stress ambiental e impedimento ao desenvolvimento radicular. O inóculo protista ciliado/bactéria proposto é inédito e possui grande potencial comercial visto biologia dos ciliados e da espécie de bactéria proposta e a importância dos cultivos agrícolas do Brasil. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)