Busca avançada
Ano de início
Entree

Aprimoramento do eyeTalk": interface de usuário para escrita e comunicação utilizando comandos oculares e faciais para dispositivos móveis

Resumo

A comunicação suplementar e/ou alternativa (CSA) é caracterizada pelo uso de gestos, expressões faciais e corporais, símbolos gráficos, fotos, objetos, voz digitalizada ou sintetizada, a qual tem por finalidade promover a comunicação face a face de indivíduos com dificuldades na comunicação. Sabe-se que de acordo com o Censo de 2010, no Brasil há 23,9% da população brasileira com algum tipo de deficiência, sendo que destes, 5,1%, 7% e 1,4% possuem deficiência auditiva, motora, mental ou intelectual, respectivamente. A partir disto, observam-se a importância e a necessidade no desenvolvimento de novas tecnologias ou adaptações para pessoas com deficiência. O propósito deste projeto é a integração de novos recursos no aplicativo EyeTalk" para o aprimoramento da comunicação, melhoria da acessibilidade e o aumento de funcionalidades destinado à pessoas que tenham dificuldade na comunicação ou pessoas não-verbais. O aplicativo EyeTalk" consiste na utilização da câmera frontal de um smartphone ou tablet para realizar a comunicação de uma pessoa que tenha paralisia ou dificuldade na fala - a primeira solução no mundo de comunicação utilizando comandos oculares por aplicativo móvel. A tecnologia utiliza um algoritmo de marcos faciais para detectar o olho do usuário e através disso realizar a digitação de palavras por meio de um teclado especial. Foi desenvolvido um teclado específico para o usuário realizar a seleção do conjunto de letras do alfabeto. Até a presente proposta o aplicativo desenvolvido apresenta uma boa acurácia, mas fatores como a iluminação do ambiente interferem na sua robustez. Visto isso, o aplicativo EyeTalk" será beneficiado e melhorado em muitos aspectos para que possa entrar ao mercado de forma eficaz. A implementação de novos recursos e ferramentas facilitarão a comunicação do usuário com outras pessoas, tais como: expressões faciais, implementação de frases prontas, conversão do texto digitado em voz (masculina ou feminina), recurso de preenchimento automático de palavras, teclado traduzido - para esta fase de teste será em inglês e português, desenvolvimento de um teclado universal.A expansão desta nova ferramenta proporcionará ao usuário ter maior controle do seu dispositivo com o uso do movimento ocular e expressões faciais, criando uma base para uma interface para controle total do smartphone ou tablet por comandos oculares e faciais - tecnologia ainda não existente no mercado. Inicialmente, para o eyeTalk", o negócio está voltado diretamente ao consumidor (B2C) com fonte de renda através de licenciamento do aplicativo, com planos mensais, trimestrais, semestrais e anuais. Para esta proposta, será analisado o modelo B2B, com o licenciamento ou venda da tecnologia para empresas produtoras de smartphones e tablets como a Apple, Samsung, LG, de forma a agregar mais valor a seus produtos com o aumento de acessibilidade e funcionalidades. Para esta fase 2 propõe-se expandir as funcionalidades do EyeTalk" tornando-o mais completo para entrar no mercado e possibilitar a exploração do licenciamento ou vendas da tecnologia para grandes empresas fabricantes de dispositivos móveis, com o objetivo de agregar mais valor a seus produtos e disponibilizar mais acessibilidade para um número maior de pessoas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)