Busca avançada
Ano de início
Entree

Alta expressão da proteína SOD2 é um forte fator prognóstico para o carcinoma escamoso do colo do útero estádio IIIB.

Resumo

A alta expressão de superóxido dismutase 2 (SOD2) está associada ao mau prognóstico em muitos locais de câncer, a presença de metástases e câncer cervical mais avançado. Este estudo visou determinar se a expressão da proteína SOD2 está associada ao prognóstico do estágio IIIB cervical carcinoma. Métodos: sessenta e três pacientes com carcinoma de células escamosas do colo do útero em estágio IIIB foram incluídas. A avaliação da expressão de SOD2 por imuno-histoquímica foi baseada em um resultado positivo, pontuação da porcentagem de células marcadas e a pontuação da intensidade de coloração. Considerando a recorrência da doença e a morte como desfechos, curvas ROC foram usadas para discriminar entre alta e baixa SOD2 expressão. Resultados: alta expressão de SOD2 foi associada com recorrência (p = 0,001), recorrência à distância (p = 0,002) e óbito (p = 0,005). A análise multivariada mostrou que os pacientes com alta expressão de SOD2 teve um risco três vezes maior de recorrência (HR = 3,16; 1,33-7,51) e morte (HR = 2,98; 1,20-7,40) em comparação com pacientes que tinham baixa expressão de SOD2. Pacientes com alta expressão de SOD2 teve menor sobrevida livre de doença (p = 0,001) e sobrevida global (p = 0,003) do que pacientes com baixa expressão de SOD2. Conclusão: A alta expressão de SOD2 é um forte fator prognóstico para carcinoma de células escamosas estágio IIIB do colo do útero e pode ser usado como um marcador prognóstico em mulheres com carcinoma cervical. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)