Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da relação entre a homeostase de ferro e o metabolismo de macronutrientes associada a patologia da obesidade

Resumo

Ferro é um micronutriente importante para diversas funções vitais e sua biodisponibilidade está intimamente relacionada com a regulação do metabolismo energético e sobrevivência ou morte celular. Os dados da literatura indicam que a deficiência de ferro negligenciada pode culminar no prejuízo das funções cardíacas, endócrinas, cognitivas, entre outras. Portanto, em um quadro patológico, as informações detalhadas sobre a homeostasia do ferro podem ter implicações relevantes para as práticas clínicas. Embora o aumento da prevalência de deficiência de ferro tenha sido observado na população com obesidade, não se sabe ainda o efeito dessa deficiência no metabolismo de macronutrientes e no perfil hormonal característico da obesidade. Além disso, a deficiência de ferro está associada com o baixo desempenho cognitivo, que por sua vez é altamente influenciado pelo metabolismo e pela produção de energia no cérebro. Assim, este projeto foi elaborado com o objetivo de investigar se a deficiência de ferro observada na obesidade afeta o desempenho cognitivo por meio de alterações do metabolismo de macronutrientes e do perfil hormonal do sistema periférico. A obesidade é desenvolvida a partir de múltiplas causas associadas tanto aos fatores genéticos, quanto aos fatores ambientais de cada indivíduo. Sabendo que o metabolismo do micronutriente ferro influencia diversos processos fisiopatológicos, o sucesso da condução deste projeto pode trazer inovações para os métodos diagnósticos e terapêuticos da obesidade e das comorbidades associadas, além de ajudar no planejamento de novas estratégias de prevenção. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)