Busca avançada
Ano de início
Entree

Canídeos brasileiros em um mundo antropizado: partição de nicho a partir da análise de elementos finitos

Processo: 20/12786-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2021 - 31 de janeiro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Morfologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Felipe Chinaglia Montefeltro
Beneficiário:Felipe Chinaglia Montefeltro
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Pesq. associados: Fernanda Cavalcanti de Azevedo ; Frederico Gemesio Lemos ; Mariela Cordeiro de Castro
Assunto(s):Biomecânica  Canidae  Morfologia funcional 

Resumo

Os canídeos brasileiros apresentam diversos hábitos alimentares, que incluem insetivoria, onivoria e hipercarnivoria, e algumas espécies exibem distribuições geográficas sobrepostas. Por estes motivos, o grupo é ideal para estudos que busquem compreender como as diferentes dietas se relacionam às especializações morfofuncionais, como espécies simpátricas exploram e eventualmente repartem os recursos do meio, ou como parâmetros biológicos chave se relacionam ao risco de extinção em um mundo cada vez mais antropizado. No entanto, até o momento nenhuma abordagem quantitativa foi empregada para responder tais perguntas. O presente projeto visa utilizar Análise de Elementos Finitos (FEA) para comparar as performances biomecânicas crânio-mandibulares e dentárias das seis espécies de canídeos brasileiros. Esta técnica, inicialmente aplicada nas engenharias, vem sendo incorporada a estudos biológicos de diferentes escopos devido à capacidade de simular reações dos materiais biológicos in silico, sob cenários intrínsecos e extrínsecos, em um ambiente tridimensional. Diante do atual contexto de perda de biodiversidade, este projeto vem a preencher uma lacuna no conhecimento de um clado que inclui três dos canídeos menos estudados do mundo e ameaçados de extinção. Dessa maneira, além de concatenar competências complementares das partes proponentes, este projeto combina ciência básica e tecnologia de ponta, fornecendo novos elementos para embasar as políticas de conservação dos canídeos brasileiros. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)