Busca avançada
Ano de início
Entree

Analfabetismo funcional em saúde em cuidadores de idosos

Resumo

Em muitos países, as populações estão envelhecendo. Atualmente, no Brasil, existem 29 milhões (14,3% da população) de pessoas com 60 ou mais anos, o que deverá aumentar para 65 milhões em 2050. O envelhecimento da população está associado a uma maior prevalência de condições de saúde crônicas, muitas das quais resultam em dependência funcional. Os cuidadores familiares têm um papel crítico e multifacetado para ajudar a manter o atendimento domiciliar para pessoas idosas que possuem tais condições de saúde. Para alcançar muitos desses requisitos de atendimento com sucesso, os cuidadores familiares precisam ter uma boa compreensão das informações relacionadas à saúde (alfabetização em saúde). Este projeto será realizado a fim de conduzir um estudo em um ambulatório de uma escola médica federal voltado exclusivamente ao atendimento de indivíduos cuidadores de idosos, para identificar cuidadores familiares que tenham baixos níveis de alfabetização em saúde por meio da utilização de um instrumento denominado Health Literacy Questionnaire. A escolha deste instrumento deu-se após revisão sistemática da literatura. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)