Busca avançada
Ano de início
Entree

Filogenia, biogeografia e diversificação de cactos na América do Sul

Processo: 19/03211-9
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Regular
Vigência: 01 de março de 2020 - 30 de novembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Vegetal
Pesquisador responsável:Evandro Marsola de Moraes
Beneficiário:Evandro Marsola de Moraes
Instituição Sede: Centro de Ciências Humanas e Biológicas (CCHB). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Sorocaba , SP, Brasil
Pesquisadores associados: Daniela Cristina Zappi
Assunto(s):Biogeografia  Biodiversidade  Filogenia molecular  Genômica  Sequenciamento de nova geração  Cactus  América do Sul 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Biogeografia | Diversidade Neotropical | Filogenia molecular | Genômica | sequenciamento de nova geração | Filogenia e Biogeografia

Resumo

A expansão de ambientes áridos e semiáridos no globo é frequentemente associada às alterações climáticas que ocorreram entre o Mioceno e o Plioceno. Apesar da relevância desses eventos climáticos para a diversificação de plantas em ambientes xéricos (secos), poucos estudos têm sido conduzidos sobre o papel da expansão da aridez como mecanismo de diversificação na América do Sul. Aliado a expansão da aridez, outros fatores bióticos devem estar envolvidos na diversificação de táxons associados a ambientes xéricos, como observado em estudos com representantes da família Cactaceae. Devido à diversificação recente dessa família, filogenias moleculares empregando poucos marcadores moleculares não foram capazes de distinguir as relações de parentesco entre seus principais clados. Uma estratégia para obter maior acurácia e suporte nas inferências filogenéticas é utilizar dados genômicos aliados a abordagens filogenéticas coalescentes. O presente projeto visa investigar fatores bióticos e abióticos associados à diversificação da tribo Cereeae e identificar padrões evolutivos e ecológicos que possam testar hipóteses sobre a diversificação de táxons de ambientes xéricos na América do Sul. Utilizando sequenciamento de nova geração e abordagens filogenéticas comparativas, serão realizadas inferências sobre a história da distribuição geográfica, testes da relação entre variáveis bióticas e abióticas e alterações nas taxas de diversificação da tribo Cereeae. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROMEIRO-BRITO, MONIQUE; TELHE, MILENA CARDOSO; AMARAL, DANILO TRABUCO; FRANCO, FERNANDO FARIA; MORAES, EVANDRO MARSOLA. A target Capture Probe Set Useful for Deep- and Shallow-Level Phylogenetic Studies in Cactaceae. GENES, v. 13, n. 4, p. 15-pg., . (19/11233-2, 18/03428-5, 19/03211-9, 18/06937-8)
AMARAL, DANILO TRABUCO; BONATELLI, ISABEL A. S.; ROMEIRO-BRITO, MONIQUE; MORAES, EVANDRO MARSOLA; FRANCO, FERNANDO FARIA. Spatial patterns of evolutionary diversity in Cactaceae show low ecological representation within protected areas. Biological Conservation, v. 273, p. 12-pg., . (18/03428-5, 19/03211-9, 18/06937-8)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.