Busca avançada
Ano de início
Entree

Ações farmacológicas dos extratos orgânicos da alga marinha Galaxuara marginata (Rhodophyta, Nemaliales)

Processo: 01/11408-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de abril de 2002
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Toxicologia
Pesquisador responsável:José Carlos de Freitas
Beneficiário:Enrique Eduardo Rozas Sanchez
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Algas marinhas

Resumo

Considerando os comportamentos de letalidade e subletalidade dos roedores injetados com H4M, ao lado dos análises histológicas do cérebro, sugere-se que o extrato está afetando os receptores metadotropicos glutamatérgicos que se encontram em diferentes sítios do gânglio basal. Por isso, em primeiro lugar, se comparará o extrato H4M com padrões de aminoácidos neuroexcitatórios do sistema nervoso central. Também, faz-se necessário determinara dose ativa não letal, esclarecer quais receptores e em que sítios do cérebro são afetados e como estes alteram o comportamento dos animais. Por outro lado, estudaremos a enzima glutamato desidrogenase, envolvida nos processos de transporte ativadora pela estimulação dos receptores metabotrópicos, quando adicionado o H4M. Por outro lado, o estudo da atividade invasiva da bactéria Enterobacter cloacae, quando tratada com H4-3M, permitira conhecer se atividade antibacteriana desta substância sobre Vibrio anguillarum inibe a invasividade da bactéria. Assim, mediante este projeto, poderemos saber se H4M altera o comportamento dos roedores mediante a alteração dos receptores glutamatérgicos e em que área do cérebro acontece e como este altera fisiologia das células neuronais (astrocito). E, se H4-3M inativa a fixação da bactéria invasiva. (AU)