Busca avançada
Ano de início
Entree

Extração de escândio usando processo de lixiviação-troca iônica e o estudo da eluição seletiva

Processo: 20/01083-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2021
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Jorge Alberto Soares Tenório
Beneficiário:Amilton Barbosa Botelho Junior
Supervisor no Exterior: James William Vaughan
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Queensland, Brisbane (UQ), Austrália  
Vinculado à bolsa:18/03483-6 - Estudo cinético e termodinâmico da recuperação de escândio da lama vermelha brasileira utilizando técnicas hidrometalúrgicas, BP.DR
Assunto(s):Escândio   Reserva mineral   Extração mineral   Inovações tecnológicas   Estrutura de aeronaves

Resumo

O escândio é considerado um metal crítico devido à sua importância econômica para o desenvolvimento tecnológico e socioeconômico e o risco de suprimento devido às poucas reservas exploráveis. Este elemento é usado em tecnologias aeroespaciais e geração sustentável de energia. Entre todos os elementos de terras raras, o escândio é o mais valioso. Muitos estudos têm avaliado a recuperação de escândio a partir de resíduos de bauxita e laterita de níquel; no entanto, nenhum deles ainda é economicamente viável. Por esse motivo, os recursos para seu suprimento devem ser estudados. Em todas as rotas existentes, o hidrometalúrgico é o mais atraente. O objetivo deste projeto é o estudo da extração de escândio a partir de minério. O projeto está dividido em três etapas. Primeiramente, será realizada uma caracterização da amostra mineral utilizando técnicas físicas e químicas. Posteriormente, de acordo com os resultados obtidos, a separação mecânica será considerada como concentrando escândio. Em seguida, será considerada a extração em meio aquoso, sendo a primeira parte o processo de lixiviação com ácido sulfúrico e/ou ácido fosfórico. Na última parte será a separação seletiva pela técnica de troca iônica. O processo de eluição será realizado a fim de remover o escândio da resina usando soluções de fluoreto e precipitação adicional. Serão realizados experimentos com ácido sulfúrico para comparar as duas soluções. O processo não é explorado na literatura e tem um potencial econômico e científico. As análises serão realizadas em DRX, SEM/EDS, XRF e ICP. Os cálculos termodinâmicos serão realizados usando o software FactSage e HSC. (AU)