Busca avançada
Ano de início
Entree

Projeto ICTP-SAIFR do ensino médio

Processo: 20/00511-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Ensino Público
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 30 de novembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física
Pesquisador responsável:Nathan Jacob Berkovits
Beneficiário:Felipe Ponciano de Novaes
Instituição-sede: Instituto de Física Teórica (IFT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/01343-7 - ICTP Instituto Sul-Americano para Física Fundamental: um centro regional para física teórica, AP.TEM
Assunto(s):Ensino médio   Ensino de física   Física teórica   Física moderna

Resumo

O ensino de física nas escolas públicas brasileiras dá importância bastante limitada a tópicos de física moderna ou contemporânea. A partir da última década, temas como relatividade e física quântica começaram a ser introduzidos, mas, ainda assim, de maneira muito tímida. Mesmo iniciativas como olimpíadas de física, que se propõem a despertar o interesse dos estudantes, pouco trabalham com tópicos que fogem à chamada física clássica. Talvez não houvesse grandes problemas nestas constatações se os temas que mais chamam a atenção dos estudantes do ensino médio não fossem exatamente os de física moderna e contemporânea. Com isso, naturalmente, não quer se afirmar que assuntos eminentemente clássicos são de todo desinteressantes; quer-se apenas pôr em relevo a inegável atração exercida por tópicos como física de partículas, buracos negros, expansão do universo, matéria escura, ondas gravitacionais, entre outros. Levar às salas de aula questões atuais da ciência é sem dúvida uma maneira eficaz de aumentar o interesse dos estudantes, o que pode contribuir tanto para a melhora geral do desempenho das escolas públicas em física quanto para a popularização da ciência em nosso país. O objetivo central e imediato deste projeto é, pois, contribuir para a difusão do ensino de física moderna e contemporânea em escolas públicas; de maneira mais ampla, pretende-se fomentar o interesse pela ciência e pela física. A fim de atingir estes objetivos, o projeto se dedica a dois eixos principais: I) professores do ensino médio; II) estudantes do ensino médio;