Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação laboratorial da resistência ao cisalhamento de lodo de ETA condicionado para aplicação na cobertura diária de aterros sanitários

Processo: 19/25404-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2019
Vigência (Término): 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Geotécnica
Convênio/Acordo: SABESP
Pesquisador responsável:Maria Eugenia Gimenez Boscov
Beneficiário:Alexandra Ramos Nardy
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Empresa:Universidade de São Paulo (USP). Escola Politécnica (EP)
Vinculado ao auxílio:13/50448-8 - Viabilização da utilização do lodo de ETA como material de cobertura de aterros sanitários e na construção de aterros em solos compactados, AP.PITE
Assunto(s):Geotecnia ambiental   Impactos ambientais   Estações de tratamento de água   Lodo   Aterros sanitários   Resistência ao cisalhamento

Resumo

A viabilização da utilização de lodo de estação de tratamento de água (ETA) como cobertura de aterro sanitário visa diminuir os impactos ambientais decorrentes das formas inadequadas de destinação deste resíduo, geralmente descartado em rios e córregos, além de colaborar para a redução das grandes quantidades de solo natural utilizado como camada de cobertura diária de aterros sanitários. Porém, o lodo "in natura" gerado a partir do tratamento de água bruta em ETAs não apresenta características mecânicas e hidráulicas adequadas para sua utilização direta em obras geotécnicas. Mesmo após drenagem em leitos de secagem ou centrifugação, apresenta elevado teor de umidade, o que o torna de difícil manuseio com equipamentos de espalhamento e compactação usualmente utilizados em campo. A baixa permeabilidade do lodo de ETA induz a formação de bolsões de lixiviado e gases, configurando zonas de fraqueza que trazem risco à estabilidade do maciço de resíduos. Assim, com o objetivo de melhorar as características de trabalhabilidade em campo do lodo de ETA e viabilizar sua utilização como material de cobertura diária, este Projeto de Pesquisa irá avaliar o desempenho do lodo condicionado com cal e/ou outro aglomerante, de preferência também algum resíduo sólido, em substituição ao solo natural atualmente empregado. O lodo de ETA será condicionado com cal e/ou outro resíduo sólido aglomerante em diferentes proporções. No projeto geral serão realizados ensaios de caracterização geotécnica, química e mineralógica, de compactação, de resistência ao cisalhamento, de permeabilidade. Nesta iniciação científica, será estudada a resistência ao cisalhamento por meio de ensaios a compressão simples, cisalhamento direto e compressão triaxial. Com base nos resultados dos ensaios laboratoriais, pretende-se verificar a possibilidade de correlacionar as misturas que se mostrarem mais promissoras à utilização como camada de cobertura diária com índices físicos e limites de consistência do lodo condicionado com cal e/ou outro resíduo sólido e assim, prever seus respectivos comportamentos a partir de ensaios simples. (AU)