Busca avançada
Ano de início
Entree

Implantação do Collective Access para gerenciamento e preservação do acervo do MAC (plano de atividades bolsista TT4)

Processo: 18/26217-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2021
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Ana Gonçalves Magalhães
Beneficiário:Frederico Antonio Camillo Camargo
Instituição-sede: Museu de Arte Contemporânea (MAC). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/07366-1 - Coletar, identificar, processar, difundir: o ciclo curatorial e a produção do conhecimento, AP.TEM
Assunto(s):Tecnologia da informação   Gestão da informação   Preservação digital   Acervo museológico   Museus

Resumo

O atual sistema de gerenciamento do acervo do MAC USP está instalado em sistema operacional Windows Server 2003 e banco de dados Access 2003. A aplicação de gerenciamento do acervo foi desenvolvida em formulários Access. O banco de dados, atualmente, está com 1.5GB e ainda é necessário incluir a maioria das imagens das obras digitalizadas e obras nato-digitais. Com isso, o banco ultrapassará o limite de 2GB do Access 2003. Além disso, todo o suporte da Microsoft ao Access 2003 foi descontinuado em 2014. O acesso à aplicação desenvolvida em Access 2003 só pode ser feito na rede local, dificultando enormemente o acesso quando os documentalistas do Museu estão em outro campus. Ao longo dos últimos anos, as diversas áreas do Museu vêm sentindo a necessidade de maior integração; necessidade de incluir as mídias das obras digitalizadas e as obras nato-digitais; acesso WEB para a administração do sistema e funcionalidades que contemplam os processos de serviço associados ao Acervo e sua administração. Por isso, surgiu a necessidade de se migrar o sistema atual para um novo sistema que atenda todas as necessidades. Após analisar vários softwares livres e avaliar suas funcionalidades e usabilidade, decidimos adotar o software livre Collective Acces por se tratar de software para gerenciamento de grandes acervos e acervos heterogêneos, além de permitir a customização que inclua modelos de gerenciamento de documentação arquivística. Possui recursos para a modificação dos metadados e de interfaces de usuário, além de contemplar todas as funcionalidades de gerenciamento de acervo de que o MAC necessita. O bolsista TT4 trabalhará na migração dos bancos de gerenciamento do acervo do MAC USP da sua plataforma atual para o software Collective Access. Ele estará sob a supervisão da equipe de Tecnologia de Informação do MAC USP na atividade de programação e personalização do software para atender ao Museu. A seleção desse bolsista privilegiará graduados em Tecnologia da Informação com experiência em programação e desenvolvimento/customização de softwares, bem como conhecimento na arquitetura de bancos de dados para a gestão do patrimônio cultural. Exige-se o nível de formação correspondente à Bolsa TT4, pois o bolsista selecionado deverá ter responsabilidade e seriedade, além de sistematicidade em sua rotina de trabalho, de modo a garantir o cumprimento de suas tarefas. Como o bolsista estará lidando com um acervo público, através da alimentação do banco de gerenciamento do acervo do MAC USP, seu compromisso com a instituição exige maturidade intelectual, experiência profissional e capacidade de propor soluções para o bom andamento do processo de atualização do banco de gerenciamento de acervo do Museu. Espera-se que tal capacitação técnica possa servir como mais um incentivo à profissionalização de bacharéis na área de Tecnologia da Informação para atuar nos campos da preservação do patrimônio e museus. Programa de atividades: 1. Mapeamento das informações do sistema atual para o Collective Access. 2. Definição e configuração dos metadados do Collective Access. 3. Configuração de regras de acesso e perfis de usuários do sistema para administração/gerenciamento do acervo. 4. Definição e configuração das interfaces de usuários do Collective Access de acordo com os principais processos de serviços do MAC USP, relacionados diretamente ao acervo. 5. Treinamento e assistência aos usuários envolvidos no projeto e aos usuários do sistema. 6. Desenvolvimento de formulários para busca avançada e por categoria, no Collective Access. 7. Desenvolvimento de formulários para relatórios pré-definidos, no Collective Access. 8. Planejamento e desenvolvimento do procedimento e script de migração dos dados do sistema atual para o Collective Access. 9. Validação da migração. 10. Verificação e testes de todo o sistema. 11. Treinamento dos usuários. 12. Acompanhamento inicial da Utilização pelos usuários.