Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da simbiose bacteriana no sistema Cecropia-Azteca por meio de ferramentas químicas e genéticas

Processo: 17/17305-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Mônica Tallarico Pupo
Beneficiário:Taise Tomie Hebihara Fukuda
Supervisor no Exterior: Jon Christel Clardy
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Harvard University, Boston, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:15/26349-5 - Estudo químico e ecológico de microrganismos associados à simbiose Cecropia-Azteca, BP.DD
Assunto(s):Simbiose   Metabólitos secundários   Produtos naturais

Resumo

Micro-organismos associados a insetos sociais têm sido amplamente estudados como fontes de novas estruturas químicas com atividade antimicrobiana. No entanto, não há relatos na literatura sobre os metabólitos secundários produzidos por micro-organismos associados à interação Cecropia-Azteca. Em um projeto de doutorado em andamento, sete linhagens de actinobactérias foram isoladas de amostras de Cecropia-Azteca coletadas na região amazônica. Essas linhagens mostraram atividade inibitória contra diferentes patógenos em dez ensaios de antagonismo. Actinobactérias são descritas na literatura como micro-organismos com alto potencial para produzir moléculas biologicamente ativas. Portanto, as linhagens isoladas são promissoras para a descoberta de novos compostos bioativos. Para entender a ecologia química envolvida nesta simbiose, este estágio de pesquisa será desenvolvido em parceria com o Prof. Jon Clardy (Departamento de Química Biológica e Farmacologia Molecular da Harvard Medical School, EUA), pioneiro em estudos envolvendo a química de micro-organismos simbiontes de insetos. Para estimular as vias biossintéticas que podem ser silenciadas, cultivos mistos serão realizadas com patógenos, e os extratos e seus constituintes serão investigados quimicamente e biologicamente. Por fim, o genoma das actinobactérias isoladas será sequenciado e seu potencial biossintético será estudado e comparado com dados químicos.