Busca avançada
Ano de início
Entree

Estabelecimento de uma "pipeline" baseada em Cristalografia de Raios-X para análises estruturais de transportadores em membranas

Processo: 15/23633-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2015
Vigência (Término): 03 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica Molecular
Convênio/Acordo: University of Birmingham
Pesquisador responsável:Igor Polikarpov
Beneficiário:Andreia Cristina dos Santos Lourenço
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/50241-7 - Estabelecimento de uma colaboração para estudos sistemáticos de proteínas transportadoras presentes em membranas através da cristalografia de macromoléculas, AP.R
Assunto(s):Proteínas da membrana   Cristalografia de raios X   Bactérias gram-negativas   Biocombustíveis

Resumo

Bactérias gram-negativas possuem uma dupla membrana celular que lhes proporciona uma camada extra de proteção e dificulta a entrega de agentes terapêuticos como, por exemplo, substratos para fermentação. Consequentemente, o entendimento do envelope celular a nível molecular torna-se essencial para a possibilidade em explorar as fraquezas desses organismos em aplicações médicas e no aumento da eficiência em biocombustíveis; no entanto, esta compreensão tem sido prejudicada pela dificuldade em se estudar alvos como as proteínas de membrana. Até agora, a cristalografia de raios-X aplicada às proteínas de membrana tem sido inacessível no Brasil. Este projeto une a experiência de dois grupos principais, um da Universidade de Birmingham (UoB) e o outro da Universidade de São Paulo (USP) para preencher essa lacuna e tem como objetivo, estabelecer uma colaboração especializada na análise estrutural de proteínas de membrana e que será de grande benefício para ambas as instituições. (AU)