Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação de aspectos biológicos de Quesada gigas (Olivier, 1790) (Hemiptera: Cicadidae) como base para o desenvolvimento de táticas de controle

Processo: 14/06137-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2014 - 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Nilza Maria Martinelli
Beneficiário:Nilza Maria Martinelli
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Pesq. associados:Guilherme Duarte Rossi ; Jose Carlos Barbosa
Assunto(s):Entomologia agrícola  Pragas de plantas  Cigarra-do-cafeeiro  Quesada gigas  Controle fitossanitário 

Resumo

A cigarra-do-cafeeiro Quesada gigas (Olivier, 1790) (Hemiptera: Cicadidae) é considerada praga-chave na cultura do café. Os prejuízos causados por Q. gigas variam de acordo com o estádio de desenvolvimento das ninfas móveis que ocorrem no cafezal e com o nível de infestação, podendo resultar em prejuízos totais às lavouras infestadas. Os danos à produção do cafeeiro ocorrem devido à sucção contínua de grande quantidade de seiva da planta, resultando no definhamento da parte aérea e clorose e queda das folhas apicais dos ramos da planta atacada. Apesar de sua importância como praga na cultura do café, aspectos biológicos da espécie, como desenvolvimento embrionário e distribuição espacial ainda são desconhecidos. Desse modo, os objetivos deste trabalho serão descrever o desenvolvimento embrionário, avaliar a viabilidade de ovos, determinar a distribuição espacial da praga na cultura do café com o uso da geoestatística e avaliar novas estratégias que possibilitem a criação de ninfas de Q. gigas em condições de laboratório. As coletas de dados serão realizadas na área da Estação Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais - EPAMIG, e em fazendas de produção agrícola de café, todas localizadas no município de São Sebastião do Paraíso - MG. As análises dos parâmetros biológicos propostos serão desenvolvidas em Laboratórios da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Câmpus de Jaboticabal-SP (UNESP/FCAV). Espera-se com este trabalho obter conhecimentos sobre aspectos biológicos de Q. gigas que poderão posteriormente orientar pesquisas aplicadas que visem ao manejo desta praga.Palavras-chave: cigarra-do-cafeeiro, aspectos biológicos, cultura do café. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ANDRADE, SAMUEL DE CARVALHO; MARTINELLI, NILZA MARIA; ROSSI, GUILHERME D.; ANDRADE, DANIEL J. Giant Cicada Emergence, Protandry and Chorus Centers Formation as Revealed by Studies Using a Sound Trap. Journal of Insect Behavior, v. 30, n. 3, p. 300-307, MAY 2017. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.