Busca avançada
Ano de início
Entree

Afetos e visibilidades comparados: imaginário e lugar das imagens em narrativa teatral e cinematográfica (Chile-Brasil 1990-2010)

Processo: 19/13202-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2020 - 31 de agosto de 2022
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Convênio/Acordo: Comisión Nacional de Investigación Científica y Tecnológica (CONICYT)
Pesquisador responsável:Antonio Carlos Rodrigues de Amorim
Beneficiário:Antonio Carlos Rodrigues de Amorim
Pesq. responsável no exterior: Patricio Alfonso Landaeta Mardones
Instituição no exterior: Universidad de Playa Ancha (UPLA), Chile
Instituição-sede: Faculdade de Educação (FE). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:Alik Wunder ; Anderson Ricardo Trevisan ; Marcus Pereira Novaes ; Sebastian Alexi Wiedemann Caballero
Assunto(s):Produção artística  Literatura  Filosofia  Cinema  Teatro  Imaginário  Cooperação internacional  Estudo multidisciplinar 

Resumo

Este projeto de colaboração bilateral entre a Universidade Estadual de Campinas /Brasil e a Universidad Playa Ancha, Valparaíso/Chile parte de uma problemática de pesquisa que questiona de que maneiras produções artísticas da literatura, teatro e cinema, criadas em ambos os países no período entre 1990-2010, geram diferenciações e singularidades no imaginário sociocultural. O recorte histórico justifica-se pela nova paisagem representational que fundaram as artes, especialmente em sua correlação com as tecnologias. Para tanto, visa estabelecer um diálogo acerca da configuração de imaginários e produções de imagens em narrativa, teatro e cinema em ambos os países, resultando na organização de um inventário, sua sistematização e busca de respostas tendo como eixo de análise as diferenças e as diversidades. O trabalho em rede de intercâmbio e colaboração é fundamental e estruturador da pesquisa conjunta, com atividades de discussão, aprofundamento e produção de conhecimento coletivos, além de formação de equipe de pesquisa com caráter multidisciplinar. (AU)